Nikon D2x - 12Mp DSLR

Image Hosted by ImageShack.us


 Introdução: 
Há tanto tempo que uso esta câmara que, de repetente, torna-se difícil escrever sobre ela! Mas, vamos lá...
Bom, desta vez trata-se daquela que foi considerada a melhor câmara, na categoria de gama profissional (2005-2006), pela EISA: A Nikon D2x! 
Uma vez que esta câmara, apesar de ter já saído de produção há bastante tempo, permite ainda, nos dias actuais, produzir imagens com bastante qualidade, faz algum sentido falar sobre a mesma. No entanto, vou tentar ser sucinto e falar somente naquilo que acho que tem de melhor… e de pior.

 Especificações:  

 Qualidade de imagem:  
Para começar digo, desde já, que face aos actuais padrões de qualidade de imagem no que concerne a fotografar com valores de sensibilidade altos, a Nikon D2x (lançada em meados de Junho de 2005, com um preço de cerca de € 5.000) está, neste aspecto, a anos-luz da mais barata e actual câmara SLR-D de "entrada de gama" da marca: A Nikon D3100!

Dito isto poderiam pensar: “Bom não vale a pena dizer mais nada! Então mais vale fotografar com a câmara mais barata da gama Nikon actualmente em comercialização do que com aquela que já foi a câmara “topo de gama" da marca!

Hum… também não é tanto assim… Em todo o caso acabei de lhes falar num dos aspectos negativos ou "pontos fracos" da mesma: A gama de valores de sensibilidade que podemos usar para obter ficheiros com qualidade. Pessoalmente acho que o limite são os 400 ISO… em situações pontuais, vá lá, os 640… 800 já é abusar!
Em compensação, mesmo fotografando em JPG, os ficheiros que produz são ricos em detalhes por comparação com outras câmaras de gerações bem mais recentes!

 Manuseamento: 
Voltando a falar dos “defeitos”, então, lá vem o segundo mais notório face aos modelos dos dias actuais: O visor LCD. Já não estamos habituados a tamanhos de 2.5" e pouco mais de 202.000 pixéis…
O visor TFT LCD da Nikon D2x é, sinceramente, dos piores que conheço! É realmente mau! ...mesmo em relação à Nikon D200!
Em dias de sol torna-se extremamente difícil visualizar imagens e qualquer outra informação através do mesmo. Um dos "truques", que habitualmente utilizo, consiste em inclinar a câmara até conseguir uma incidência da luz de um diferente ângulo de maneira a aumentar o contraste e permitir ver qualquer "coisita"... Aliás, o visor LCD foi precisamente um dos itens melhorados aquando do "restyling" da Nikon D2x... para a Nikon D2xs.

As câmaras actuais tem visores LCD de grandes dimensões e com uma resolução de imagem, em termos de nitidez e de contraste (mesmo expostos à luz solar), que não tem comparação possível! 

Outro (pequeno?!) problema: Sendo uma câmara vocacionada para uma utilização "profissional" é normal que o seu uso seja intensivo e, consequentemente, seja muito manuseada pelas mãos. Ora, precisamente um dos pontos de contacto com o polegar (tampa traseira de acesso ao cartão de memória), com o tempo (e uso) tem tendência para "perder" a borracha de revestimento.

Ok! Então é chegada agora a altura de confundir aqueles que, face ao que até aqui disse, ficaram com a ideia que até uma Nikon D3100 é infindavelmente melhor que esta “velha” Nikon D2x.


 Construção: 
Primeiro ponto forte da Nikon D2x: Robustez, durabilidade, fiabilidade... Um autêntico "tanque de guerra"! Se algum dia precisarem de pregar algo à parede e não tiverem um martelo à mão acreditem que podem usar a câmara para o efeito! Com outros modelos da marca tal não é aconselhável...
A Nikon D2x, ainda hoje em dia, continua a ser uma referência no que concerne à robustez mecânica. Na realidade é ainda imbatível, pela maior parte da actuais SLR-D, no que toca à "durabilidade" prevista de actuações do obturador: Um valor superior às 200.000 actuações!
Mais?! Funcionalidade e facilidade de manuseamento: Fantástica! Tudo à mão e no sítio certo. A panóplia de botões e selectores que tem e a sua correcta distribuição permitem aceder, de maneira prática e rápida, à maioria das funções e parâmetros mais significativos da câmara (... à excepção, quanto a mim, do selector dos modos de medição de luz que se situa na parte lateral direita do pentaprisma da câmara obrigando a "tirar" a mão do mesmo lado do punho para fazer a comutação)
Gama dinâmica de cores (entre os 100 e 200 ISO) - só uma coisa a dizer: Excelente!!
Fanáticos dos retratos, atenção! Esta é uma das melhores câmaras que podem adquirir se querem reproduzir fielmente os tons da pele!
Outro aspecto positivo a salientar neste modelo: A focagem efectuada através do motor interno da câmara! Com objectivas desprovidas de motorização (AF/AF-D) é, comparativamente a outros modelos de câmaras "inferiores" da marca, muito rápida e precisa.

 Design/estética: 
Embora este seja sempre um aspecto subjectivo, acho que a Nikon D2x continua a ter um desenho actual e apelativo. Aliás, exceptuando o tamanho do visor LCD, visualmente as parecenças com a actual câmara "profissional" de topo de gama - a Nikon D3 - são muitas.


 Imagens adicionais: 




 Opinião: 


 Conclusão: 
Quem se deu ao "trabalho" de ler até aqui (...ou saltou directamente para este ponto) provavelmente estará à espera que eu diga se vale (ou não) ainda a pena comprar e fotografar com uma destas câmaras.
Valerá? Pessoalmente, claro está, não tenho grandes dúvidas que sim!
Comprar uma câmara destas, no fundo, é como comprar um " Rolls Royce... fica velha com o tempo mas continua a ser uma grande máquina na qual podemos confiar pois trabalha como quando saiu de fábrica!
Quanto às prestações, tendo em conta as diferenças tecnológicas face um veículo mais moderno, um Rolls bem cuidado provavelmente chegará ao mesmo sítio dum outro qualquer carro... mas com mais estilo! Tal como a Nikon D2x!

4 comentários:

mfc disse...

Parabéns pela sua paciência para nos transmitir ensinamentos!

Paulo Abreu disse...

Tambem sou da opinião que as dslr de topo antigas não têm os dias contados, para quem não pode dar o que o custa uma 1d mk4 ou uma d3x vale a pena pesquisar o top de uns anos atráz.

gosto das suas partilhas, apesar de ter equipamento canon conssigo sempre aplicar o que vou aprendendo aqui.

. disse...

Obrigada por este trabalho explendido
adquiri uma destas ha pouco tempo
nao tinha material digital de jeito
adoro a qualidade das imagens
os resultados que tenho tido quando uso como se fosse de filme (tripe e baixa sensibilidade) são excelentes

é uma camera que se adequa muito bem a reproduzir o modo de fotografar com filme
para situçoes estranhas e estremas mais vale um bom telemovel
sim, é pesada que se farta
mas tem estilo, lá isso não há duvida
como sou assim uma espécie de destruidora de equipamento creio que escolhi bem
o peso ajuda à estabilidade
so nao me entendo com as configuraçoes
agora o foco fixou-se num ponto super à esuqerda e nao consigo tirar, enfim..
terei que procurar um manual, pois não tenho nenhum
mais uma vez obrigada

jose angelico cardoso disse...

Obrigado pela sua elucidação...no momento que eu necessitava de uma câmera profissional, eis que surge a D2X!! Já ouvi muitas coisas de outros fotógrafos, como por exemplo ¨muito obsoleta¨. Mas ela nunca me deixou na mão..e o termo é bem esse mesmo, trator pra trabalhar.