De volta às Cegonhas!


* Nikon D2x + Tamron SP 150-600mm: 400mm, 1/160 seg., f/10, ISO 100 
Cacia (Aveiro), Junho de 2015


Há dias regressei a alguns dos ninhos de cegonhas que tinha visitado e fotografado em Fevereiro passado. Nessa altura, chegavam os casais para nidificar e a azáfama dos progenitores na construção dos ninhos era grande.

Todavia, ainda era cedo e além das constantes idas e vindas ao ninho com "materiais de construção" nada mais se via. É durante Fevereiro/Março que é efectuada a postura dos ovos podendo depois o casal criar entre 1 a 5 crias. 
Agora, decorridos alguns meses, a agitação nos ninhos é outra: Todos estão preenchidos com juvenis já bem grandinhos que, nesta altura, começam a exercitar as asas preparando-se para os primeiros voos!


* Nikon D2x + Tamron SP 150-600mm: 500mm, 1/200 seg., f/8, ISO 100 
Cacia (Aveiro), Junho de 2015

Até Agosto estes juvenis ainda irão crescer mais e em adultos atingiram cerca de 1 metro de comprimento.  
É durante esse mês que, parte delas, abandonam o nosso País migrando para Africa pelo Estreito de Gilbraltar. Existem, contudo, algumas populações que invernam para Espanha e casos de migrações internas (para Sul).  
Bom, este ano, provavelmente, já não regresso ao local mas para o ano espero voltar pois haverá novas crias e novas fotos!

* Para visualizar as fotografias a 100% clicar nas mesmas e abrir em novo Link!

2 comentários:

NobreLuso disse...

Fotografias sempre fantásticas, dignas de um mestre da arte fotográfica!
Pormenores relevantes, minúcia na busca dos planos, enquadramentos que fazem refletir um aprendiz como eu...
É um gosto visitar o blogue do José Loureiro e tentar aprender alguma coisa...

Jose Loureiro disse...

Obrigado pelo simpático elogio, As cegonhas são uma das espécies de aves mais fáceis de fotografar, quer pelo seu tamanho, quer pela boa tolerância ao ser humano.